RSS Rural - Agricultura Muçum

Silo secador proporciona grãos com maior qualidade

érgio Marcolin e o técnico da Emater, Jairo Belini, explicam as vantagens do silo (Foto: Joyce Alves Zanon)
Sérgio Marcolin e o técnico da Emater, Jairo Belini, explicam as vantagens do silo (Foto: Joyce Alves Zanon)

O agricultor Sérgio Marcolin (54) inovou ao instalar na sua propriedade um silo secador de grãos. Feito de alvenaria, a estrutura apresenta diversas vantagens, uma delas, são os grãos livres de produtos químicos. Marcolin foi o primeiro produtor de Muçum a instalar o projeto em casa, o que ocorreu há cerca de dois anos, com ajuda técnica da Emater-RS/Ascar. O produtor, que reside na Linha São Faustino e Santa Juvita, está na segunda safra. Na primeira, quando utilizava um silo menor, mas com o mesmo sistema, colheu 1.500 sacas de milho.

O silo, de alvenaria, promete melhorar a qualidade dos grãos, diminuir a agressão ao meio ambiente e aumentar o desempenho do animal a partir dos grãos produzidos na propriedade. Voltado, principalmente, para pequenos agricultores, o silo utiliza jatos de ar, através de motor, para fazer a secagem dos grãos. “Não é um sistema que usa a lenha para secagem, o que exclui a fumaça, e também não tem produtos químicos, o que deixa o grão mais natural”, destaca o produtor. Quando o milho começa a esquentar, o motor é ativado e o ar baixa a temperatura do produto.
Conforme o técnico da Emater de Muçum, Jairo Belini, este sistema proporciona bons resultados. “É um controle biológico, sem uso de químicos. Os grãos ficam tão puros que podem ser utilizados para consumo humano”, frisa.

Texto: Portal Região dos Vales/Ascom Muçum