Educação RSS Lajeado

Startup Weekend Lajeado será realizado de 16 a 18 setembro

Requisittus foi fundada na primeira edição do SW Lajeado e deve lançar, no primeiro trimestre de 2017, um produto para avaliar a satisfação de clientes (Foto: Divulgação)
Requisittus foi fundada na primeira edição do SW Lajeado e deve lançar, no primeiro trimestre de 2017, um produto para avaliar a satisfação de clientes (Foto: Divulgação)

De 16 a 18 de setembro, o Parque Científico e Tecnológico do Vale do Taquari (Tecnovates) recebe a terceira edição do Startup Weekend (SW) Lajeado, que integra uma rede global de líderes e empreendedores de alto impacto em uma missão para inspirar, educar e capacitar indivíduos, equipes e comunidades, realizado pelo Google for Entrepreneurs. O evento proporciona imersão em questões relativas às startups, voltadas a empreendedores e aspirantes a empreendedores por meio da organização dos participantes em equipes.

A programação inicia às 18h30min do dia 16 e segue até as 21h do dia 18, somando 54 horas de atividades. A partir da formação das equipes em torno das melhores ideias (determinadas por votação) serão realizados exercícios de criação de modelos de negócios, programação, design e validação de mercado. O fim de semana termina com a apresentação dos projetos a empreendedores de sucesso em uma nova oportunidade para receber feedback.

As inscrições podem ser realizadas em http://ow.ly/OdqE303X6Sj. Os ingressos custam R$ 120. O Startup Weekend foi criado em 2007 com o intuito de educar e inspirar a comunidade local. Desde então, o evento já foi realizado em mais de 1.500 cidades ao redor do mundo e já foram criadas mais de 8.000 startups. Lajeado está nessa estatística.

O evento apoia a realização do CRIExp, que ocorre de 6 a 8 de outubro, um evento voltado à criatividade, inovação e empreendedorismo que reunirá grandes nomes das áreas de tecnologia e empreendedorismo do Vale do Silício e do cenário nacional, além de eventos culturais, atividades voltadas à programação de jogos, desafios e a Feira de Ciências da Univates.

Da primeira edição para o mercado
Uma das startups premiadas na primeira edição do SW Lajeado foi a Requisittus, que desenvolveu o Avalie – um software para fazer pesquisas de satisfação com clientes. Desde 2014, a ideia original do produto foi mantida.

Alteramos algumas prioridades e incluímos novas funcionalidades ao produto, porém, o objetivo é manter o que foi pensado inicialmente”, afirma Rodrigo Oliveira, um dos integrantes da Requisittus. “O SW foi onde tudo começou. Se meus sócios e eu não tivéssemos nos conhecido no evento, provavelmente não estaríamos nesse negócio hoje. No SW foi onde identificamos a possibilidade de negócio. Uma das tarefas do SW é fazer validação de mercado, identificar se realmente há alguém com essa necessidade e que há interesse no produto. Após realizarmos entrevistas com alguns comerciantes da região durante o evento, identificamos que poderia dar certo e que existia essa necessidade. Foi aí que resolvemos dar continuidade ao projeto”, explica ele.

Como premiação, a startup teve a possibilidade de incubar o projeto na Incubadora Tecnológica da Univates (Inovates) com isenção de três meses nas taxas de incubação. “Estar na Inovates é muito importante e tem contribuído muito, pois lá temos um local fixo, onde nos reunimos todas as semanas. A estrutura fornecida pela Inovates é muito boa, sempre que precisamos de algo temos disponível, além de ser um local que fica acessível 24 horas por dia. Além da questão da estrutura, participamos de mentorias em algumas áreas específicas. Outro fator importante é o reconhecimento perante outras empresas (internas e externas). O fato de ser uma empresa incubada e levar o nome da Univates fornece visibilidade e credibilidade perante o mercado”, avalia Oliveira.

A Requisittus é formada por cinco sócios e o produto Avalie é dividido em quatro segmentos (Comércio, Ensino, Eventos e Gestão). O software deverá ser lançado no primeiro trimestre de 2017, porém já estão sendo realizadas validações com clientes parceiros para testar a usabilidade do produto.

Como funciona o Startup Weekend?
No primeiro dia, quem tem uma ideia de negócio terá a oportunidade de apresentá-la aos outros participantes do evento para formar sua equipe. Se você quer participar para aprender sobre como começar seu negócio, mas sem dar uma ideia, também é possível! Basta escolher se juntar a uma das ideias que serão apresentadas no evento.
Formadas as equipes, cada uma terá dois dias para se dedicar a desenvolver um negócio a partir da ideia escolhida. É agora que começa a diversão: desenvolver planos de negócios, aprender a identificar seu cliente, construir um produto e, ao final, apresentá-lo para que um grupo de investidores confirme que sua ideia é uma boa ideia de negócio. Tudo isso, é claro, sendo orientados por experientes empreendedores que já estão com suas startups no mercado.

Coaches e mentores desta edição
Bianca Trevisol, Caroline Capitani, Cristiano Rocha, Diego Veronese Saldanha, Erion Lara, Eros Carrasco, Fabricio Pretto, Graziela Muniz, Guilherme Motta, Guilherme Viegas, Kenner Grings, Lourenço de Paula, Luiz Rauber, Marcel Coutinho, Rodrigo Brod, Rodrigo Dalla Vecchia, Tainan Caballero

Texto: Ascom Univates