Cultura Educação Lajeado

Teatro aborda a prevenção à violência infantil no projeto Pacto Lajeado Pela Paz

Os personagens Pipo e Fifi, conhecidos como parte integrante de uma campanha de conscientização sobre o combate à violência sexual infantil, chegaram a Lajeado. Nesta segunda-feira, 19/08, mais de mil crianças de escolas municipais, estaduais e privadas lotaram o Teatro do Colégio Evangélico Alberto Torres (CEAT) para assistir as duas primeiras sessões da peça “Pipo e Fifi”, encenada pela Companhia Truks Teatro de Bonecos. O evento é realizado pela Prefeitura de Lajeado, por meio da Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sthas), em parceria com o CEAT. A campanha Pipo e Fifi integra as ações de prevenção do Pacto Lajeado Pela Paz.

A peça teatral é inspirada no livro infantil da educadora sexual Caroline Arcari, criadora dos personagens Pipo e Fifi. De forma simples e divertida, os atores e os monstrinhos, explicam às crianças conceitos básicos sobre o corpo, sentimentos, diferenças entre toques de amor de toques abusivos, e aponta caminhos para o diálogo e a proteção da infância.

Aos cinco anos, uma das alunas da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Espaço Criança contou o que achou do teatro. “Achei bem legal porque tem bonecos. O teatro ensinou que se acontecer alguma coisa errada, temos que conversar com pessoas de confiança”, disse a pequena.

“O teatro abordou assuntos sobre fatores de risco às crianças e adolescentes de uma maneira criativa e utilizando uma linguagem infantil. Para mim, a infância deve ser protegida e essa iniciativa é uma maneira de deixar cada fase do ser humano preservada”, disse a monitora da EMEI Gente Miúda, Rosângela Weissheimer.

Um dos autores, Aguinaldo Rodrigues, que interpreta Fifi, explica como se deu o processo de construção da peça. “Nós unimos o livro e a dramaturgia, e contamos com todo apoio da Caroline Arcari, que participou do processo de elaboração do roteiro, nos auxiliando quanto às palavras e sobre o comportamento e empoderamento das crianças, que se manifestam durante a apresentação”, explicou Rodrigues.

A atriz Bianca Muniz conta que a participação de Caroline na elaboração da peça foi fundamental. “A presença da Caroline foi essencial, tanto para orientar nosso diretor, quanto para nos orientar. Ela nos deu tantos parâmetros de como abordar o assunto que hoje me sinto muito à vontade, mesmo falando de coisas que teoricamente são tabus para a sociedade”, contou. “Eu falo diretamente com as crianças durante o espetáculo, e consigo ver a atenção deles e de como eles realmente querem absorver o que estamos falando. Isso é muito legal porque é um tema fundamental. O teatro tem esse poder de alcançar pela sensibilidade, além da informação”, ressaltou.

Até quarta-feira, a peça será prestigiada por mais de 4 mil crianças de 3 a 9 anos das Escolas de Educação Infantil (EMEIs), Escolas Municipais de Ensino Fundamental (EMEFs), estaduais e privadas, e também para profissionais da rede de atendimento à criança e ao adolescente de Lajeado, que se tornarão multiplicadores nas ações de prevenção à violência sexual.

A próxima sessão acontecerá nesta terça-feira, 20/08, às 9h.

Saiba mais

O município de Lajeado, por meio dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), em parceria com escolas, vem desenvolvendo desde 2016 ações de prevenção à violência sexual de crianças e adolescentes, usando como instrumento a cartilha Pipo e Fifi.

Em junho, a autora esteve em Lajeado para ministrar o curso de Metodologias e Prevenção de Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes na Perspectiva da Autoproteção, voltado para representantes de escolas da rede pública, municipal e privada de Lajeado.

Em julho, representantes de todas as escolas municipais de Lajeado receberam as cartilhas Pipo e Fifi com o objetivo de se tornarem multiplicadores desse conteúdo e agentes na prevenção ao abuso sexual.

 

Confira os horários das próximas sessões:

– Terça-feira, 20/08: 9h, 14h e 15h30

– Quarta-feira, 21/08: 9h e às 14h

As sessões são exclusivas para as escolas convidadas.

 

Texto e fotos Pietra Darde
Assessoria de Imprensa de Lajeado