Saúde Teutônia

Teutônia debate a saúde e a consolidação do SUS durante Conferência Municipal

Comunidade teve a oportunidade de discutir propostas relacionadas à saúde

Encontro teve como tema “Democracia e Saúde: saúde como direito e consolidação e financiamento do SUS”, que foi debatido a partir de três eixos temáticos

Na tarde desta sexta-feira, dia 12 de abril, Teutônia realizou a 6ª Conferência Municipal de Saúde, tendo como local o auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Teutônia, no Bairro Languiru. Sob a coordenação da Secretaria de Saúde e do Conselho Municipal de Saúde de Teutônia, a comunidade teutoniense teve a oportunidade de discutir e analisar as prioridades locais de saúde, formular propostas no âmbito dos municípios, dos estados e da União.

A Conferência teve como tema “Democracia e Saúde: saúde como direito e consolidação e financiamento do SUS”, que foi debatido a partir de três eixos temáticos: saúde como direito; consolidação dos princípios do SUS; e financiamento adequado e suficiente para o SUS. Durante o encontro, foram apresentados os desafios da área da saúde, principalmente competências que são do Estado e da União e que, cada vez mais, recaem sobre os municípios.

A presidente do Conselho Municipal de Saúde, Liane Brackmann, colocou o compromisso e os desafios que norteiam a saúde pública. “Queremos construir uma saúde pública cada vez melhor para a nossa população, pois ela é universal, é para todos. Somos agentes de transformação, que fazem as coisas acontecerem, independente de quem está no poder. Cabe a nós transformar e olhar a questão da saúde através de uma construção contínua”, pontuou.

O secretário de Saúde, Hélio Brandão, classificou o SUS como um sistema muito bom para a comunidade. “Mas, até quando vai seguir neste ritmo? A gente se preocupa, pois até os 35 anos as pessoas têm poucos problemas de saúde. Até aí o plano de saúde é barato. Depois, o plano de saúde começa a aumentar, as pessoas não conseguem mais pagar e o Sistema Único de Saúde precisa suprir essa demanda. Para isso, é preciso a garantia de recursos dos entes federal e estadual”, ressaltou.

Após a discussão dos eixos temáticos, ocorreu a plenária final, com leitura, votação, aprovação das propostas e homologação dos nomes dos delegados que vão representar o município nas etapas estadual e federal. A 8ª Conferência Estadual de Saúde ocorre entre os dias 24 e 26 de maio, em Porto Alegre, enquanto a 16ª Conferência Nacional de Saúde ocorrerá nos dias 4 a 7 de agosto, em Brasília.

 

 

CRÉDITOS DO TEXTO: Édson Luís Schaeffer
Assessoria de Imprensa Prefeitura de Teutônia