RS RSS Obras Teutônia Westfália

Teutônia e Westfália firmam convênio para construção de nova ponte sobre o Arroio Boa Vista

Assinatura do convênio foi feito junto à ponte, na divisa de Teutônia e Westfália (Foto: Édson Luís Schaeffer/Divulgação)

Teutônia e Westfália deram um importante passo para concretizar um antigo sonho dos moradores de Linha Frank e do Bairro Boa Vista: a construção de uma nova ponte sobre o Arroio Boa Vista, que faz divisa entre os dois municípios. Durante o ato solene junto à ponte, ocorreu a assinatura do convênio entre as prefeituras de Teutônia e Westfália, momento considerado histórico para os dois municípios.

A ponte, construída na década de 50, interliga o Bairro Boa Vista (Teutônia) e a localidade de Linha Frank (Westfália). Por isso, há trânsito intenso de veículos no local, seja para o escoamento da produção, seja para o deslocamento de um município para outro. A intenção é aumentar a largura (transformando-a em pista dupla, mais uma faixa para pedestres e ciclistas), o comprimento e a altura da ponte. Assim, se evitará o bloqueio da via em dias de muita chuva, quando o arroio transborda e passa por cima da ponte.

Clóvis Bayer reside próximo à ponte e assiste de “camarote” o fluxo do local e os problemas que a edificação atual apresenta. “Essa obra será muito importante para os dois municípios, porque o tráfego é grande aqui. Muitas vezes, estamos sentados na área tomando chimarrão e vemos cinco, seis, sete carros, um atrás do outro. Muitos acidentes já aconteceram aqui, inclusive com morte. Acredito que esta obra vai solucionar este problema, assim como evitar que a ponte fique bloqueada quando há enchentes”, ressaltou.

O vereador Valério da Fonseca representou a Câmara de Westfália e afirmou que a ponte era um anseio antigo da comunidade dos dois municípios. “Já foram vários pedidos da comunidade para que fossem feitas melhorias nesta ponte. Esta obra será muito importante e beneficiará Teutônia e Westfália. Isto não é nota 10, é nota 100, pena que este momento já não correu anos antes. Não tenho dúvidas que esta obra deixará uma grande marca para os dois municípios”, frisou.

Representando a Câmara de Teutônia, Cleudori Paniz destacou os benefícios que a nova ponte trará para os dois municípios. “É uma obra esperada há muitos anos. Trata-se de uma estrada que escoa muita produção agrícola. Então, a nova ponte trará mais segurança, salvando, principalmente, vidas. É uma obra que vem para a comunidade, sem contar que será uma solução econômica, trazendo grandes resultados para a população dos dois municípios”, salientou.

O prefeito de Westfália, Otávio Landmeier, lembrou que o município já vinha trabalhando na busca de solução para dias de enchente. “Nós tínhamos o compromisso de, pelo menos, propiciar aos nossos moradores desta área a chegada e a saída de casa em épocas de enchentes. E isto nós conseguimos fazer, ao mudar o leito e fazer o aterro elevado da estrada, já que a via inundava antes que a ponte. Isso foi possível porque as famílias nos cederam parte de suas propriedades para esta obra. Mas, a nossa obra só ficará completa com a construção da ponte”, frisou.

Landmeier ainda destacou que a nova ponte já vinha sendo discutida há mais de 20 anos. “Westfália nem existia ainda e já se falava nesta ponte. Por isso, com o convênio, durante a nossa administração, temos o compromisso de fazer esta ponte. Desde a metade do ano passado estamos trabalhando, juntamente com Teutônia, em cima deste convênio. A partir de agora, vamos trabalhar efetivamente na parte burocrática”, explicou.

O chefe do Executivo westfaliano também colocou que a futura ponte será de extrema importância para a microrregião. “Esta via possui muito tráfego e é utilizada por motoristas de municípios vizinhos. Muitas pessoas que trabalham em Westfália são de Teutônia e vice-versa e acabam passando por esta estrada. Além disso, temos muito trafego de caminhões de carga. Uma ponte com duas pistas é necessária aqui. Vai ser uma ponte com dimensões significativas. Acredito que 99% das enchentes não irão invadir a estrada ou trancar o fluxo de veículos”, colocou.

O prefeito de Teutônia, Jonatan Brönstrup, enalteceu que a obra será executada mesmo não havendo êxito na busca de recursos federais. “Antes mesmo de assumirmos, o Otávio já me dizia que tínhamos que fazer um trabalho em parceria em relação a esta ponte. Naquela ocasião já dizíamos que se não fosse feita com recurso vinculado federal, a obra será feita com recursos próprios. Temos condições para isto e a comunidade merece”, expôs.

Brönstrup ainda destacou a importância da futura ponte. “Estaremos criando condições de deslocamento e desenvolvimento para estas localidades. A importância deste investimento é indiscutível. Não estamos aqui fazendo promessas, mas sim já cumprindo um acordo pré-estabelecido entre os dois municípios. É um projeto para a microrregião, para o desenvolvimento regional e, também, valorizando os nossos empreendedores que escoam sua produção por esta via”, frisou.

Brönstrup também colocou que é através de parcerias os municípios conseguem se desenvolver efetivamente. “Para que um município vá bem, todos os outros também precisam ir bem. Somente trabalhando em parceria, os municípios vão conseguir se desenvolver e se sustentar, já que cada vez mais sobram atribuições para os municípios. Por isso, precisamos estar organizados. Esta ponte é uma demonstração de organização e de que estamos alinhados”, sublinhou.

O convênio, que prevê as obrigações de cada Município, tem como objetivo a conjugação de esforços visando a construção da nova ponte sobre o Arroio Boa Vista, compreendendo a elaboração de projeto completo de engenharia e de seu respectivo projeto de licenciamento ambiental, bem como a contratação de empreiteira para execução das obras. A celebração de convênio entre as duas Prefeituras foi aprovada pelas Câmaras de Vereadores de Teutônia e Westfália ainda no final de 2018.

A parceria para a construção da ponte foi firmada no dia 20 de julho, quando os prefeitos se reuniram na ponte que atualmente há no local. Desde então, os dois municípios vinham trocando informações para estabelecer o convênio. No dia 21 de agosto, os prefeitos e engenheiros das duas prefeituras estiveram novamente no local, para dar início ao levantamento topográfico do local e à sondagem do leito e da margem do arroio. Na terça-feira, dia 8 de janeiro, o prefeito e a vice-prefeita de Westfália, Otávio Landmeier e Evanete Inez Horst Grave, estiveram em Teutônia, reunidos com o prefeito Jonatan Brönstrup e o vice Valdir Oliveira do Amaral, para definir detalhes da solenidade.

Por mais que os municípios sigam pleiteando recursos federais, a probabilidade de a obra ser executada com recursos próprios é maior. Inclusive, o convênio já irá prever reserva de recursos para a construção da ponte. A intenção é concluir a obra até o final do mandato, no ano de 2020.

Texto: Ascom Teutônia