Artigos Artigos - Turismo Encantado

Turismóloga Diuly Mähler fala sobre “Lugares para conhecer nos Vales: Camping Decker” no artigo de hoje

diuly-mahler-turismo-com-enfase-em-hotelaria-pela-uniscA Região dos Vales do Rio Grande do Sul revela aos que se aventuram por seus caminhos vários lugares encantadores, alguns oferecendo infraestrutura, outros não. Um desses lugares é o Camping Decker, localizado na comunidade de Sampaio, interior do município de Sério.

Sampaio é uma comunidade agrícola com forte influência alemã, o que é facilmente percebido pelo dialeto germânico ainda falado e pela arquitetura de suas antigas casas que ainda resistem ao tempo. Cortada pelo arroio Sampaio, que da nome ao lugar, e rodeada por imponentes morros, é um lugar tranquilo e com paisagens bucólicas.

Pelo caminho que leva ao Decker, o cenário é o mesmo: casinhas bem cuidadas, algumas até centenárias, com uma robusta horta e pequenas plantações, tão bem alinhadas que até parecem pinturas. Lá por setembro, quando as flores começam a florir e os agricultores preparam a terra para o plantio, o lugar fica ainda mais bonito.

A entrada do camping é sinalizada por uma simpática e colorida placa com nome do lugar, uma das poucas no caminho, e ali já coloca o visitante em contato com a cultura local: a casa da família de um lado da estrada, o forno de fumo do outro, um paiol de tábuas rústicas e telhado inclinado e a porteira ladeada por taipas de pedra, típico da região. Atravessando a porteira, um gramado onde pastam ovelhas, a roça de milho e a área de lazer com seu gramado sempre bem aparado e frondosas árvores inclinadas sobre o arroio.

Nos fins de semana, quando a comunidade se reúne para o lazer, o estalar das bochas e o “alles gut” recepcionam os forasteiros. Enquanto uns bebem cerveja sentados em frente ao balcão da copa colocando a “prosa” em dia, outros concentram-se no carteado. É quase um voltar no tempo, algo tão comum para quem vive ali e tão encantador para quem vem de fora… Mas não é só a cultura que encanta por ali. A simpatia dos anfitriões, o pequeno museu recentemente montado com lembranças da família e a organização do lugar deixam impressionados, sem falar na comida preparada com ingredientes dali mesmo e que sai da cozinha em uma mesa de rodinhas feita de paletes. Invenções dos Decker…

A área do camping é bastante arborizada, possui churrasqueiras, algumas com telhado, banheiros masculino e feminino, chuveiro quente, tanque para lavar roupa e pontos de luz. A área de banho é formada por uma pequena represa – herança das épocas em que ali funcionava um moinho – e uma pequena cascata que se forma a partir dela, cartão-postal do lugar. Ah, tem wi-fi para os visitantes…

Seja para acampar ou passar o dia, seja para um café da colônia ou almoço (que precisam ser agendados com antecedência), o Camping Decker vale a visita. Confira no site http://camping-decker.webnode.com/ ou facebook @campingdecker outras informações sobre o local.

Diuly Mähler, turismóloga