RS Educação RSS

Uergs oferece mestrado em Educação

O mestrado em Educação será na unidade de Osório (Foto: Divulgação Uergs)
O mestrado em Educação será na unidade de Osório (Foto: Divulgação Uergs)

A Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Uergs) obteve aprovação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), do Ministério da Educação, para oferecer curso de Mestrado Profissional em Educação, na unidade em Osório. O parecer foi divulgado na quinta-feira (5), e a primeira turma deverá ser aberta no segundo semestre deste ano.

Um dos requisitos levados em consideração para a aprovação do curso na área da Educação foi o Projeto Político Pedagógico da Universidade, que busca estimular, nas regiões onde está presente, a ampliação de cursos de mestrado e doutorado que compreendem a formação de profissionais da Educação Básica e Superior, com propostas que atendam às regiões mais distantes da capital.

O pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade, Clódis Andrades Filho, destaca que a proposta cujo enfoque é a formação de professores para a Educação Básica atendeu a todos os critérios de avaliação exigidos pela Capes. “Este é mais um patamar alcançado pela universidade, e representa um amadurecimento científico tecnológico na área da Educação, que é uma das áreas estratégicas da Uergs e do Estado”, declarou.

Este será o segundo curso de mestrado aberto pela Uergs, que já tem o Mestrado em Ambiente e Sustentabilidade, na unidade em São Francisco de Paula.

Linhas de Pesquisa
O curso oferece três linhas de pesquisa: currículos e políticas na formação de professores; inovação, diversidade e memória em educação; linguagem e artes em contextos educacionais. O objetivo é formar profissionais capacitados para identificar as potencialidades e necessidades do seu âmbito de trabalho, por meio de recursos de pesquisa científica e de reflexão crítica que os habilitem para a criação e implementação de ações transformadoras na área da formação de professores para a Educação Básica e para o fomento e qualificação do desenvolvimento regional. A intenção é capacitar esses profissionais para atuar em diferentes contextos, propondo práticas inovadoras que impactem no currículo, políticas educacionais, artes, linguagens, tecnologias, memórias e diversidade.

“Manter os talentos nas regiões, pesquisando e propondo soluções para as problemáticas regionais é um objetivo original da universidade e este mestrado possibilitará isso”, destaca o coordenador do curso, professor Leandro Forell.

Texto: Ascom RS