Saúde Estrela

Marca de imunizados com as duas doses da vacina contra a Covid-19 foi superada e números crescerão ainda mais na próxima semana

A Secretaria Municipal de Saúde de Estrela realizou, nesta sexta-feira (23), o quinto dia de vacinação contra a Covid-19 em menos de uma semana. Como ocorreu ao longo dos últimos dias, o foco foi a aplicação da segunda dose (D2) e mais 282 estrelenses com 69 anos foram hoje ao Parque Princesa do Vale completar o importante processo de imunização.

Com isso, a Saúde do município confirmou a expectativa e superou a marca de três mil estrelenses imunes, e a diferença entre as pessoas com uma e duas doses recebidas deve cair consideravelmente na próxima semana, com mais quatro etapas agendadas. Até o momento são 7.165 estrelenses vacinados com a primeira dose (D1) e 3.116 com a segunda (D2).

A programação da próxima semana, para aplicação da D2, já está pré-definida: 26/04 – 68 anos; 27/04 – 67 anos; 28/04 – 66 anos; 30/04 – Profissionais Hospital Estrela (AstraZeneca, aplicada em fevereiro). A equipe de Saúde orienta as pessoas a sempre confirmarem a data correta do seu dia de receber a D2 na carteira de vacinação, pois ela pode ter diferença a outros da faixa etária por causa da variedade da vacina e o dia da aplicação, visto que muitos receberam a D1 em um dia posterior ao da sua idade, e é necessário respeitar o prazo entre as duas aplicações. Esta carteira é cedida quando foi aplicada a primeira dose.

A campanha segue ocorrendo no Parque Princesa do Vale, sempre das 8h às 12h, no modelo drive thru. As pessoas que não têm carro devem comparecer uma hora depois do início, mantendo o distanciamento e respeitando a fila. A iniciativa de arrecadação de alimentos também continua no local com os voluntários do Lions de Estrela. Quem tiver doações a fazer, que avise na hora do cadastro, pois os voluntários do Lions estão envolvidos com a operação. A equipe de saúde solicita que não se peça aos enfermeiros para que eles tirem fotos.

Caso seja enviado novo lote de vacinas, será dada sequência ao cronograma. A princípio, antes de partir para novos grupos prioritários, como as pessoas com comorbidades; o município deverá reservar mais uma data para vacinar o restante das pessoas de 60/61 anos, ou incluí-las em um Dia D de vacinação, que pretende imunizar as pessoas de todos os grupos que perderam o seu dia, seja da D1 ou da D2. Assim, a vacinação das pessoas com comorbidades deve ocorrer somente a partir de 07 de maio.