Negócios Turismo Vale do Taquari Destaques

Amturvales faz prestação de contas e apresenta ações para 2022 em assembleia

Assembleia Geral Ordinária ocorreu nesta quinta-feira à tarde, em Encantado

A Associação dos Municípios de Turismo da Região dos Vales (Amturvales) promoveu, nesta quinta-feira (24.03) à tarde, a sua Assembleia Geral Ordinária. O encontro reuniu associados da entidade na prefeitura de Encantado. O presidente da Amturvales, Leandro Arenhart, conduziu os trabalhos.

A assembleia começou com a prestação de contas financeiras referentes ao ano de 2021. Foram apresentados os valores recebidos no período e os valores gastos com as mais diversas frentes de atuação da entidade. Também foi informado o valor que a entidade tem em caixa, mas com destino definido, como é o caso do recurso de R$ 157 mil, oriundo do governo do Estado, para aplicação em projetos aprovados na Consulta Popular de 2020.

O vice-presidente da Amturvales, Charles Rossner, apresentou as ações desenvolvidas pela Amturvales em 2021 e o Planejamento Estratégico da associação. “Olhar para o que fizemos é importante para saber o que está acontecendo na região”, afirmou Rossner, reforçando o compromisso da entidade. “Nosso propósito é Unir para Crescer. A única forma de vender o Vale do Taquari como destino turístico é com união”. Rossner também destacou o novo portal que está sendo desenvolvido pela entidade e que deve ser destaque para todo o Rio Grande do Sul.

O presidente da Amturvales também salientou a importância do desenvolvimento do novo portal e antecipou as principais ações previstas para 2022. Entre elas, a participação do Vale na Ugart, nesta sexta-feira e sábado (25 e 26.03) e o Seminário Regional de Turismo Rural, que será realizado em parceria com a Emater, no dia 27 de abril, em Imigrante.

Conforme Arenhart, a entidade deve se engajar ainda em promover um curso de guia de Turismo e também em formatar um plano de benefícios para os associados. Além disso, o presidente informou que a quarta edição do projeto Trem dos Vales deve ter passeios nos meses de julho, agosto, setembro e outubro. “O nosso pedido é para que os passeios ocorram por quatro meses. Junto a isso, no fim do ano, deveremos ter a conclusão do Cristo Protetor, que já mudou e mudará o turismo no Vale”.

Na pauta da reunião também esteve a sugestão de uma alteração estatutária. Os dirigentes da entidade sugeriram criar o Conselho de Ex-Presidentes, solicitação que foi aprovada por unanimidade.

Add Comment

Clique aqui para deixar um comentário

Por favor, preencha o campo *