Município Destaques Lajeado

Secretário de Segurança de Porto Alegre visita Lajeado para conhecer software de inteligência artificial utilizado contra a criminalidade

Por ser referência no uso de tecnologia para o combate da criminalidade, o secretário de Segurança de Porto Alegre, coronel Mario Ikeda, escolheu Lajeado para buscar informações sobre o sistema de videomonitoramento integrado e o software de inteligência artificial utilizado pelo município. A visita ocorreu na manhã desta terça-feira, 29/03. A comitiva de Porto Alegre foi recebida pela vice-prefeita, Gláucia Schumacher, pelo secretário de Segurança Pública, Paulo Locatelli, e pelo coordenador de Trânsito, Vinícius Renner.

Lajeado conta com 30 câmeras de videomonitoramento, 12 leitores de placas e cinco dispositivos chamados de “Zonas Seguras”. Estes últimos estão instalados em pontos estratégicos, que contam com flashes das cores azul e vermelho. O flash azul opera quando a situação está normal, sem riscos à comunidade. Já quando algum fator de risco ocorre, como um crime ou um incêndio, o flash é alterada para o vermelho pelo operador da Central, indicando que a região está passando por alguma situação atípica.

Conforme o secretário de Segurança de Porto Alegre, coronel Mario Ikeda, a comitiva veio conhecer um sistema que está funcionando e que tem mostrado resultados positivos, para auxiliar no desenvolvimento do projeto de segurança para o município e verificar se a tecnologia pode ser aplicada também na capital.

– Viemos conhecer o sistema integrado e novas tecnologias. Em Porto Alegre, já temos o cercamento eletrônico e o reconhecimento de placas, mas também queremos reduzir, ainda mais, os indicadores de outros crimes. Nosso intuito é aumentar a sensação de segurança e, como Lajeado já utiliza o sistema, viemos buscar a experiência-, explica Ikeda.

O secretário de Segurança Pública, Paulo Locatelli, ressalta a importância da presença da comitiva de Porto Alegre e pelo reconhecimento do trabalho que vem sendo executado em Lajeado.

– É muito importante a troca de conhecimento entre municípios. Logo vamos ter em funcionamento o Centro Integrado de Operações. Ter essa troca de informações para verificar como Porto Alegre trabalha e analisar o que podemos adequar para a nossa realidade é muito importante, esclarece Locatelli.

O coordenador de Trânsito de Lajeado, Vinícius Renner, reforça que os municípios são de portes diferentes, mas possuem interesses em comum, como a integração de banco de dados entre cidades e juntar forças entre municípios.

– Todos os municípios buscam acesso a bancos de dados para aumentar o controle de frota circulante nas cidades e no Estado como um geral. Essa integração de dados une forças entre os municípios. Com mais dados, conseguimos mais velocidade na resposta às ocorrências, trabalhar alertas antecipados e em ocorrências em andamento. Este acesso à informação qualifica o nosso trabalho e o apoio de Porto Alegre pode contribuir para esse progresso – analisa Renner.

A comitiva foi recepcionada no gabinete da vice-prefeita e, mais tarde, seguiu para o 22º Batalhão da Polícia Militar, onde está localizada a Central de Monitoramento da Brigada Militar para ver de perto o funcionamento do sistema.

Add Comment

Clique aqui para deixar um comentário

Por favor, preencha o campo *